09:22:39 Quarta, 18 Setembro 2019

Teror é uma vila encantadora com alguns dos melhores exemplos de arquitectura colonial, dominada pela Basílica de Nuestra Señora del Pino, datada do século XVIII e dedicada à padroeira da Gran Canaria. Os elementos mais notórios do interior de três naves é o altar barroco com uma estátua de Nossa Senhora talhada em madeira e com vestes ricas, rodeada por ofertas votivas e símbolos, muitas estátuas religiosas criadas por José Luján Pérez e cinco das mais destacadas pinturas em estilo Rococó de toda a ilha.

Reza a lenda que em 1481 a Virgem Maria apareceu a alguns pastores no cimo de um pinheiro e, desde então, a Nuestra Señora del Pino desempenhou um papel crucial na história e na vida quotidiana dos habitantes da Gran Canaria. Quando, em 1914, o Papa Pio XII a proclamou santa padroeira da ilha, a pequena cidade de Teror, com o seu santuário, tornou-se a capital religiosa da ilha.

Todos os anos, no dia 8 de Setembro, é celebrada a Fiesta de la Virgen del Pino e uma multidão de peregrinos desloca-se a Teror para prestar culto à santa. Esta celebração é o maior evento da região e a festa religiosa mais importante do calendário da ilha, cujas celebrações se costumam prolongar por toda a semana.

Quando ir a Gran Canaria
Gáldar
Cidade de Las Palmas

A Plaza de Nuestra Señora del Pino e a Calle Real de la Plaza estão ladeadas de esplêndidas casas históricas, algumas delas datadas do século XVI. As suas varandas talhadas em madeira e pedra tornam a visita a Teror numa autêntica viagem no tempo.

Junto à Basílica, encontrará a Plaza Teresa de Bolívar, que tem o nome da esposa de Simón Bolívar – o herói sul-americano da luta pela independência – e cujo bisavô nasceu em Teror. À direita da igreja encontra-se a Casa Museo de los Patrones de la Virgen, um edifício encantador em redor de um pátio e mobilado ao estilo do século XVII, com pinturas, armas, fotografias antigas e antiguidades que retratam o estilo de vida da nobreza da época.

A nossa recomendação especial na sua visita a Teror é ir até ao mercado local numa manhã de domingo, onde poderá experimentar e comprar especialidades locais, como o chorizo e doces confeccionados pelas irmãs Cistercienses.

Playa de las Canteras
Santa Lucía de Tirajana
Playa de San Agustín