06:53:51 Quinta, 21 Novembro 2019

Para chegar à Caldera de Bandama terá de seguir por uma estrada com um belíssimo cenário. Depois de passar Tafira Alta e percorrer cerca de 6 sinuosos quilómetros através dos vinhedos onde são produzidas as uvas do famoso Vino del Monte, chegará à deslumbrante Caldera de Bandama, uma cratera vulcânica com 1000 m de diâmetro e 200 m de profundidade cujo ponto mais alto, o Pico de Bandama, se ergue a 569 m de altitude. No cume, acessível de automóvel, há uma plataforma de observação com excelentes vistas para as costas norte e leste e o centro montanhoso, a oeste. Em dias de céu limpo, pode ver a vizinha ilha de Fuerteventura, a nordeste.

A cratera foi baptizada com o nome do mercador holandês Daniel Van Dame, que no século XVII aí decidiu plantar vinhedos – no fundo, subsiste ainda a sua quinta abandonada, com os contornos dos socalcos. Se é do tipo aventureiro, pode fazer uma caminhada de cerca de 30 minutos através de um caminho íngreme até à base da cratera, hoje coberta de palmeiras, laranjeiras e figueiras. Nas encostas da cratera prosperam eucaliptos e agaves entre arbustos e mato.

A sul do pico encontra-se o mais antigo clube de golfe de Espanha, o Real Club de Golf de Las Palmas de Gran Canaria, fundado em finais do século XIX por membros da influente colónia de ingleses da ilha.

A recepção do clube está aberta diariamente das 8h às 23h, e é possível jogar a partir das 8h. Os últimos jogos têm de ser iniciados às 13h.

Ambiente
Artenara
Mundo Aborigen